Projetos – A importância do Bitrate

Posted by

Elementos como transmissão de dados, armazenamento e processamento são variáveis importantes a serem consideradas em projetos de CFTV.

E isso se resulta em preocupação por parte de gestores que necessitam considerar todas essas variáveis no processo de aquisição de câmeras e equipamentos de rede. Para isso, entender como funciona o Bitrate é fundamental. 

Conforme explicamos neste artigo, o  Bitrate é o cálculo do tráfego das imagens geradas por uma câmera em um determinado período de tempo. Este resultado determina o quão será necessário investir em velocidade de conexão entre os dispositivos e consequentemente o armazenamento em memória.

O resultado da taxa de Bitrate é influenciável pela resolução de captura da imagem(de uma câmera), a taxa de FPS (frames por segundo) e a compressão das imagens.

Além disso, é possível configurar o modo de operação do bitrate dependendo do tipo do projeto. 

Os principais modos de operação do Bitrate são a VBR (Bitrate Variável) e a MBR(Máximo Bitrate).

O tipo Variável de Bitrate ajustará a taxa de Bitrate de acordo com a complexidade da imagem capturada, onde priorizará a taxa de bitrate mais alta para os elementos com maior complexidade e a taxa mais baixa para elementos menos complexos. Este processo resulta em uma média de bits do arquivo. 

A vantagem na utilização do VBR é a maior eficiência em alocação e transmissão, porém, para projetos com menor recurso de largura de banda é indicado o uso do MBR (Bitrate Máximo).

O tipo de Bitrate Máximo limita um valor máximo de taxa de Bitrate, embora ainda mantenha alguma flexibilidade, a finalidade deste tipo de fluxo é evitar que o valor da taxa aumente para que a largura de banda possa comportar um fluxo contínuo. 

Porém, um ponto negativo é que a taxa de quadros e a qualidade da imagem pode ser afetada para priorizar o máximo de bitrate, mas neste tipo de fluxo é possível escolher qual variável pode ser priorizada em comparação a outra, ou seja, o gestor pode definir se é melhor priorizar a taxa de quadros ou a qualidade da imagem em um fluxo de bitrate do tipo MBR.

Se você deseja cotar câmeras e necessita de um cálculo de Bitrate, clique aqui e conheça nossa ferramenta online para cotação de projetos de CFTV. Nesta ferramenta é possível definir os parâmetros de local, ocupação e outras variáveis, e assim, nos enviar um pedido de orçamento para que possamos cotar os equipamentos corretos para seu tipo de projeto. 

Conheça o IPMarket - A Loja virtual CFTV para sua empresa